Home | Mapa do Site

     

Quanta memória é que eu necessito?

Talvez tenha a noção do que é trabalhar num computador que não tenha memória necessária. Consegue-se ouvir o disco rígido a trabalhar com frequência e o icon do cursor mostra frequentemente a ampulheta indicando que o sistema está ocupado. Tudo se passa de forma muito mais lenta e erros de memória (operações ilegais) podem ocorrer com alguma frequência, e muitas vezes não conseguimos correr uma aplicação sem fechar outra.

Então como é que determinamos se temos memória suficiente, ou se iremos ter algum beneficio acrescentando mais? E se formos acrescentar memória, quanta mais memória? A verdade é que a quantidade de memória depende do tipo de sistema que temos e do tipo de aplicações que iremos utilizar. Como a quantidade de memória é naturalmente diferente para um computador de secretária de um servidor iremos dividir esta secção em duas partes - uma para cada tipo de sistema.

Especificações de memória para computadores de secretária

Se está a usar um computador de secretária, a necessidade de memória depende do sistema operativo e das aplicações que for utilizar. Hoje em dia o processador de texto e a folha de cálculo necessita de pouco mais do que 64MB de RAM para funcionar. Todavia os desenvolvedores de software e sistemas operativos continuam a expandir as capacidades dos produtos e consequentemente a sua necessidade cada vez maior de memória RAM. Hoje, os produtores de software assumem que o mínimo de RAM que existe num sistema é de 256MB. Sistemas utilizados para artes gráficas, publicações e multimédia necessitam no mínimo de 512MB, mas é sempre recomendado 1024MB para obter uma boa performance.

O próximo gráfico fornece informações para o ajudar a decidir quanta memória será necessária para o seu computador de secretária. O gráfico O gráfico está dividido por Sistema Operativo e por tipo de trabalho realizado no computador. Situe o sistema operativo que utiliza e localize o tipo de trabalho que mais se adequa ao que desempenha. Os sistema operativos mais actuais ainda não se encontram nesse gráfico mas posso adiantar que o Windows XP convém ter pelo menos 512MB adquirindo boas performances com 1GB. O Windows VISTA para funcionar razoavelmente necessita de 2GB de RAM

Clique para aumentar.

Especificações de memória para servidores

Como é que sabemos quando um servidor necessita de memória? Muitas vezes, os utilizadores da rede são bons indicadores. Se actividade relacionada com a rede como a impressão, email, aplicações partilhadas, estão lentas, então, eles provavelmente comunicarão esse facto ao administrador de sistema. Aqui estão algumas estratégias proactivas que podem ser utilizadas para saber se um servidor tem memória suficiente ou não:

• Monitorizar a actividade do disco do servidor. Se o servidor estiver constantemente a ler do disco poderá ser necessária mais memória.

• A maior parte dos servidores têm utilitários para monitorizar a actividade da CPU, memória e disco.

Verifique os valores nos momentos de pico de utilização.

Uma vez determinado que o servidor necessita, de facto, de mais memória existem alguns factores a considerar sobre a quantidade de memória necessária:

• Que funções são desempenhadas pelo servidor (aplicações, comunicação, acesso remoto, email, internet, ficheiros, multimedia, impressão, base de dados)?

Uns servidores retêm uma quantidade enorme de informação na memória enquanto outros processam a informação de forma sequencial. Por exemplo, um servidor típico de base de dados processa uma grande quantidade de informação; com mais memória, esse servidor provavelmente iria ser mais rapido pois poderia conter mais registos em memória tornando as procuras mais rápidas. Um servidor de ficheiros, por outro lado, corre de forma mais eficiente com menos memória porque a sua função primária é transferir ficheiros e não processar informação.
• Que sistema operativo é utilizado pelo servidor?
Cada sistema operativo gere a memória de maneira diferente. Por exemplo, um sistema operativo de rede como o Novell gere a memória de maneira muito diversa do Windows NT que é orientado para a aplicação. A interface mais elaborada do Windows NT requere mais memória.
• Quantos utilizadores acedem ao servidor em simultâneo?
A maior parte dos servidores são desenhados e configurados para suportarem um determinado número de utilizadores de cada vez. Testes recentes revelam que o número de utilizadores concorrentes é proporcional à quantidade de memória disponível no servidor.
amount of memory in the server. A partir do momento que o número de utilizadores excede o especificado, o servidor tem que utilizar o ficheiro de paginação para criar a memória virtual e a performance cai vertiginosamente.
• Que tipo e qual o número de processadores instalados no servidor?
A memória e o processador afectam o desempenho do servidor de forma diferente, mas eles trabalham lado a lado. Adicionar memória permite tratar mais informação de cada vez enquanto que adicionar processadores permite que a informação seja processada mais depressa. Assim, se adicionar mais processadores ao sistema, a memória adicional permitirá que os processadores operem a todo o vapor.
• Qual a importância do tempo de resposta do servidor?
Nalguns servidores, como servidores web ou e-commerce, o tempo de resposta afecta a experiência do utilizador e provavelmente a nossa receita. Nestes casos, muitos Administradores de Sistema optam por colocar mais memória do que aquela que alguma vez pensamos precisar de forma a fazer face a picos de utilização dos servidores.
Porque as configurações dos servidores envolvem inúmeras variáveis, não é fácil de de fazer recomendações precisas no que diz respeito à memória. O gráfico seguinte mostra dois cenários de upgrades a servidores.

cenários de upgrade a servidores

Clique para aumentar.

seguinte >>